29 de Julho de 2020
  • GaúchaZH
  • Geral
  • 2 banner(s)

Teste de vacina da Sinovac contra o coronavírus começa em mais quatro centros brasileiros

Aplicação em voluntários também ocorrerá em Porto Alegre no futuro; data ainda será anunciada

Depois de iniciar os testes com voluntários do Hospital das Clínicas (HC) da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP), mais quatro centros brasileiros iniciarão a aplicação da vacina contra o coronavírus produzida pela Sinovac. A pesquisa, feita em parceria com o Instituto Butantan, também será realizada em Porto Alegre, no Hospital São Lucas da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS). 

Conforme o Butantan, a partir de quinta-feira (30), o Instituto de Infectologia Emílio Ribas, em São Paulo, começa as aplicações em 852 voluntários. O estudo também se inicia amanhã no HC da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da USP, onde 500 pessoas receberão as doses. 

Na sexta-feira (31), é a vez das aplicações na Universidade Municipal de São Caetano do Sul, que contará com 652 participantes, no Centro de Pesquisa e Desenvolvimento de Fármacos da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), que terá 852 voluntários. Está previsto para os próximos dias o anúncio das datas dos outros centros, incluindo no São Lucas.  

Esta é a terceira fase de testes em humanos da vacina chinesa elaborada pela Sinovac Life Science. A testagem, coordenada pelo Butantan, terá a participação de 9 mil voluntários e deve ser concluída entre o final de outubro e o início de novembro.