05 de Janeiro de 2018
  • Jornal do Comércio
  • Ivan Mattos

Fala, presidente

Maria Aparecida Neme da Silva e José Naja Neme da Silva JONATHAN HECKLER/ARQUIVO/JC Entrando em seu segundo ano de gestão frente ao Grêmio Náutico União (GNU), José Naja Neme da Silva tem pela frente os novos desafios de consolidar junto aos sócios a recente incorporação do Petrópole Tênis Clube que se tornou a quarta sede do GNU. Já em sua fala no Réveillon de 2018, momentos antes da contagem regressiva, o presidente referiu o projeto da nova sede como um dos destaques do próximo ano. Além dos "happy hours" que serão promovidos aos sábados, durante este mês na sede Petrópole, a ideia é fazer a Feijoada do Pavão ali também. Para a coluna, ele contou um pouco mais sobre os planos para 2018. "A economia dá sinais de melhora para o ano de 2018. Isto permite que se façam planos para o ano que se aproxima, atendendo aos interesses dos nossos associados nas quatro sedes do União."